Inspeção Industrial com Drones

Os drones chegaram para auxiliar na gestão de diversos tipos de projetos de infraestrutura. Eles não só realizam trabalhos em ambientes perigosos, como também são extremamente ágeis, precisos e econômicos na captura de dados que são estratégicos e essenciais para tomada de decisões empresariais.

 

Alguns serviços de infraestrutura estão se beneficiando com esta tecnologia com mais velocidade do que outros, como é o caso das empresas de energia, construção de rodovias e estradas e inspeção de ferrovias, petróleo e gás. Nesses setores algumas empresas passaram a operar através de complexas redes e sistemas distribuídos em grandes áreas do empreendimento. Nessas operações os drones são extremamente importantes no levantamento topográfico, no acompanhamento de obras, no monitoramento, na segurança, na manutenção e no inventário dos ativos.


Monitoramento de Ativos

 

A praticidade e precisão obtidas com as imagens em tempo real sempre foram os principais desafios das indústrias de todo o mundo. Com os drones isso se tornou possível através de sistemas embarcados que são programados para fornecer dados precisos e fundamentais em cada etapa da construção, da inspeção ou da segurança aérea.

Durante a fase de pré-construção do empreendimento, os drones podem melhorar significativamente a velocidade do andamento da obra e a qualidade dos processos no projeto de arquitetura através da tecnologia BIM. Os drones são capazes de capturar imagens em alta resolução (5k) permitindo a aplicação na modelagem 3D e fornecendo dados sobre o andamento dos serviços terceirizados, por exemplo, em tempo real, para investidores ou proprietários, antes mesmo do início dos trabalhos. Os dados coletados pelos drones permitem também a criação de Modelos Digitais do Terreno (DTM), garantindo uma melhor avaliação e análise do projeto.

 

Na fase de construção os drones são perfeitos para realizar o levantamento da situação do canteiro de obras, coletando dados de forma rápida, econômica e precisa para posteriormente serem enviados na forma de relatórios gerenciais sobre o progresso dos serviços. Os investidores podem facilmente monitorar todo o projeto utilizando sobreposições de imagens dos planos, comparando todos os estágios da construção. Tudo isso com precisão de 1 cm.

 

Ainda no monitoramento dos canteiros de obras os drones podem monitorar se os materiais estão sendo armazenados e manipulados corretamente. Os dados provenientes dos drones são processados on line onde é possível ter acesso rápido a dados complexos e georeferenciados, permitindo uma ação rápida além de uma análise mais efetiva dos resultados.

As soluções com drones permitem aos investidores monitorar o cumprimento dos serviços dos contratados através de dados confiáveis que são transmitidos em tempo real, para se necessário, serem usados como evidência para resolver questões judiciais.

 

No canteiro de obras, os empreiteiros conseguem obter informações através dos dados coletados pelos drones com o objetivo de posteriormente realizar trabalhos que exigem precisão milimétrica, como posicionamento de lajes de aço de concreto ou para medir a profundidade de tubulações. Operando dessa forma é possível evitar erros e reduzir despesas na construção. Os drones conseguem aumentar a segurança operacional dos empregados ao realizar trabalhos perigosos e monitorar áreas arriscadas e com pouca segurança.

 

Na última fase do processo de construção os drones com sensores como Laser Scanner 3D podem ser usados para realizar uma avaliação final de toda a obra, analisar o impacto ambiental e comparar os relatórios com mosaicos de fotos.

 

Manutenção

 

A manutenção é uma parte inerente da gestão de infraestrutura. Hoje, a maior parte desse trabalho é realizada manualmente. É um processo lento, inseguro e dispendioso que produz resultados incompletos e de pouca qualidade. Em alguns casos para ter acesso aos locais para realizar inspeções é necessário usar cordas e técnicas de rapel. Ainda podemos ver empresas usando andaimes e plataformas montadas especialmente para este trabalho. Tudo isso ainda precisa ser combinado com a necessidade de desligamento de toda rede elétrica, por exemplo, durante a manutenção. Algumas inspeções são exigidas por lei para serem realizadas por pessoal certificado, mas em muitos casos elas podem ser realizadas por drones e operadores treinados e qualificados para o serviço.

Para facilitar o entendimento, imagine uma inspeção de turbina eólica padrão que atualmente custa cerca de R$ 6.000,00 por torre. Realizando a mesma inspeção usando um drone é possível reduzir o custo e o tempo de serviço em cerca de 30%. É possível também obter economia similar nas inspeções de pontes, túneis e torres de telefonia móvel, onde os custos dos serviços utilizando pessoas são ainda maiores e a operação muito mais perigosa.

 

Os drones hoje podem localizar defeitos em estruturas diversas não só de forma muito mais rápida e precisa, como também mais barata e segura. Com os avanços no processamento das imagens obtidas pelos drones as empresas podem agora analisar dados em tempo real e de forma inédita. Já existem softwares no mercado para processamento de imagens capturadas pelos sensores que permitem a análise de dados de forma extremamente valiosa, que podem ser utilizados para melhorar as estratégias de empresas de diversos setores.

 

Inventário de ativos

 

Os drones podem ser usados ​​no inventário e na gestão de ativos de infraestrutura como forma de obter rapidez e precisão na operação. Um inventário realizado com drones permite que os grandes depósitos e armazéns cortem custos e acelerem seus processos, enquanto fornecem informações precisas e detalhadas sobre a localização e as especificações dos produtos. Tudo em tempo real. Eles também aumentam segurança no trabalho, enquanto voam em lugares de difícil acesso sem arriscar vidas humanas. O melhor exemplo dessa segurança pode ser visto no inventário realizado no setor de telecomunicações nas torres de transmissão e nos dispositivos de comunicação nelas instalados. O levantamento tradicional é perigoso, demorado e estressante. Com a utilização dos drones e sensores embarcados com novas tecnologias como QRCode e Tags de Radiofrequência como o RFID, tornam esse processo muito mais seguro e bem mais eficiente que o método tradicional, utilizando uma integração dos dados e sistemas e tornando o processo de inventário uma operação muito mais simples, precisa e confiável.

O que esperar do futuro?

 

Os drones já estão mudando a forma como pensamos diversos serviços, em especial os de manutenção e monitoramento. No futuro será possível ver os drones não apenas diagnosticando de forma autônoma problemas na infraestrutura, mas também reparando-os. No futuro, a tecnologia de impressão 3D será combinada com a tecnologia dos drones para manutenção de qualquer infraestrutura. As construtoras e incorporadoras poderão em breve embarcar impressoras 3D nos drones, com o objetivo de produzir peças de reposição no local de trabalho.

O monitoramento e a inspeção não são as únicas aplicações que estão sendo utilizadas nos drones no setor de infraestrutura. Várias Startups estão testando essa tecnologia para realizar tarefas nas alturas como pintura de paredes e limpeza de janelas. Em última análise, eles poderão realizar a maior parte dos trabalhos nas alturas, substituindo humanos reduzindo o risco de morte ou lesões, aumentando a eficiência.

 

Hoje empresas estão desenvolvendo sistemas autônomos para os drones para serem utilizados nas áreas internas das construções (como nos sistemas de ventilação). Utilizando sensores avançados eles conseguem voar sozinhos e executar tarefas tanto dentro como fora das edificações.


 

 

Para incorporar drones na sua empresa, fale com a DronDrones Technologies, ligue 85 2181-3865 ou envie um e-mail para: lojadrondrones@gmail.com.

 

Siga-nos: @drondrones no Instagram   |  drondrones no Facebook  |  DronDrones Technologies no LinkedIn

 

Um ótimo voo pra você!

 

Márcio Régis Galvão é Fundador e CEO na DronDrones Technologies, Consultor e Professor de Tecnologia RPA no IFT - Instituto de Formação Tecnológica, CEO na Consultoria MRG Marketing. Atua como consultor de empresas na implantação de tecnologia RPA com experiência executiva no desenvolvimento e implantação de modelos de gestão. Nos últimos vinte e dois anos tem sido consultor nas áreas de planejamento estratégico, marketing e desenvolvimento organizacional, em empresas no Brasil e nos Estados Unidos.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Monitoramento e Vigilância de Infraestrutura Ferroviária utilizando Drones

August 17, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo